Fim do boleto sem registro: Entenda as mudanças

Emissão de boletos - Eventto Sistema

Ainda não se informou sobre o fim do boleto simples? É bom ficar esperto, pois as novas regras já estão em vigor. Vai ficar menos flexível e mais caro, mas a proposta da Febraban (Federação Brasileira dos Bancos) é trazer mais segurança e reduzir os prejuízos gerados pelas fraudes de boleto.

Deve-se dar atenção especial para o dia 11/09/2017, pois boletos com valor acima de R$ 2.000,00 já precisam ser registrados. Veja abaixo a tabela do que já mudou e os que ainda vai mudar e quais as datas:

Todos os boletos com valor:

Data de início de validação

Igual ou acima de R$ 50.000,00

10.07.2017

Igual ou acima de R$ 2.000,00

11.09.2017

Igual ou acima de R$ 500,00

09.10.2017

Igual ou acima de R$ 200,00

13.11.2017

Boletos de todos os valores

11.12.2017

boleto bancário é um meio de pagamento exclusivo do Brasil e é muito simples. Tudo que sua empresa precisa fazer para a emissão de boletos é possuir uma conta corrente no banco e solicitar junto à agência uma carteira de cobrança. Após contratada e com os dados bancários da mesma em mãos, já se pode emitir boletos bancários.

O boleto bancário é uma das medidas adotadas pelos empresários para evitar a inadimplência na hora de cobrar dos clientes.

O principal benefício da implantação da 2ª fase é o fato de o pagador de um boleto vencido não precisar mais ir ao banco emissor quitar seu débito. Com a Nova Plataforma de Cobrança, será possível pagar um boleto vencido em qualquer agência bancária.

 

Sistema Para Fotógrafos e Estúdios Fotográficos

Sistema simples e eficiente para você ganhar tempo, que irá facilitar o seu dia a dia

 

Boleto simples x registrado

O boleto sem registro não precisa ser registrado no sistema do banco, ele é emitido pela empresa e entregue diretamente ao cliente e, também não exige o pagamento exclusivo em um determinado banco. Outra característica é a possibilidade de não trazer a data de vencimento e nem valor, no qual podem ser preenchidos na quitação do título. Parece bom, mas ele exige um controle rigoroso por parte da empresa para confirmar se os pagamentos foram realizados na datas e valores corretos.

Já o boleto com registro foi criado para garantir maior segurança e rastreabilidade, pois ele possui está registrado no banco. A empresa gera o boleto e envia a remessa ao banco para ser feito o registro das informações. Esse arquivo fornece ao banco todas as informações necessárias para identificar a pessoa ou a empresa que fará o pagamento.

O processo de emissão muda pouco, mas assim como o boleto simples esse modelo tem suas vantagens e desvantagens.

O maior controle sobre as faturas emitidas é uma das vantagens, pois a empresa sabe quem pagou, quando e quanto foi pago. Outro ponto positivo é a possibilidade de protestar o título em cartório caso o cliente não efetue o pagamento.

Por outro lado, nesse modelo será cobrada uma taxa por boleto emitido, sendo ele pago pelo cliente ou não. Além disso, quem emite está sujeito a mais taxas, tornando mais caro o custo de operação.

O Fim do boleto sem registro

O projeto da Nova Plataforma de Cobranças foi anunciado em 2015 e, desde aquele ano, sua implementação tem sido feita para que o sistema esteja funcionando a pleno vapor até o final de 2017.

Agora que conhece as diferenças principais, pode se programar melhor para a mudança que passa a valer agora em 2017. A emissão sem registro vai, aos poucos, deixar de existir.

Com tantas mudanças, você deve ficar atento para não perder os prazos e registrar os boletos corretos, a cada mês.

A decisão da Febraban tem como objetivo modernizar o sistema de boletos e centralizar a base de títulos nacionais e trazer mais segurança reduzindo o número de fraudes.

Como as informações ficam reunidas em uma única base centralizadora, isso reflete em benefícios ao pagador, que poderá efetuar o pagamento em qualquer banco mesmo que o título tenha sido emitido em outra instituição bancária.

Com o sistema Eventto você emite seus boletos com registro, gera o arquivo de remessa e tem todo o controle financeiro do seu estúdio fotográfico.

0 respostas

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *